quinta-feira, 12 de setembro de 2013

100 anos de Jesse Owens

A lenda Jesse Owens, se ainda estivesse vivo, completaria 100 anos hoje.
James Cleveland Owens nasceu em 12 de setembro de 1913 no Alabama, nos Estados Unidos. Vinha de uma família humilde plantadora de algodão e o seu apelido, à época, era JC. Aos nove anos, Jesse mudou-se com a família para Ohio em busca de uma vida melhor. 

Na sua nova escola, quando seu novo professor perguntou o seu nome (para entrar em seu livro de anotações), ele disse JC, mas por causa de seu forte sotaque do sul, o professor anotou Jesse. Depois deste erro, todos o chamavam de Jesse Owens e, assim, ficou eternizado o herói.

Jesse foi o maior nome norte-americano das corridas. Além de sua habilidade, ele ficou famoso por participar e ganhar quatro medalhas de ouro nas Olimpíadas de Berlim, em 1936.

Em meio à superioridade nazista que pairava sobre o país àquela época, as vitórias
de Owens irritaram muitas pessoas. Isso fez até com que Adolf Hitler não lhe entregasse as medalhas.

Mesmo sob o regime do nazismo, os irmãos Dassler, fundadores da Adidasse dirigiram da Baviera à Vila Olímpica, para convencer o velocista a usar seus sapatos. Owens foi o primeiro atleta afroamericano a ser patrocinado pelos irmãos Dassler. 

Jesse Owens, uma lenda do esporte, morreu em 31 de março de 1980 em Tucsson Arizona.