quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Escolha do calçado ideal

Escolha do calçado ideal pode prevenir contusões durante a prática de exercícios

Especialista da Faculdade Inspirar aponta os riscos quanto ao uso de tênis inapropriado durante a prática esportiva

A caminhada e a corrida estão entre as atividades físicas mais praticadas no mundo, principalmente, quando se aproxima o verão e todos querem perder aqueles quilinhos a mais, adquiridos no inverno. No entanto, o que muita gente desconhece é que o impacto gerado nessas atividades pode ocasionar lesões e  problemas ortopédicos. Por isso, é preciso escolher muito bem o calçado antes de sair de casa.

O uso de um tênis adequado é importante para evitar os malefícios ao corpo. De acordo com o fisioterapeuta e professor da Faculdade Inspirar, em Curitiba (PR), José Lourenço Kutzke, tanto a caminhada quanto as corridas são exercícios que geram um grande impacto nos membros inferiores do corpo. “Os indivíduos com sobrepeso, ou obesidade, devem optar por amortecimentos de maior qualidade”, afirma.

O fisioterapeuta conta que os problemas causados pelo uso de calçados inapropriados ocasionam dores articulares o que, geralmente, torna-se um alerta para evitar as lesões degenerativas. Segundo ele, é preciso estar atento aos pontos de maior calosidade, já que o calo é provocado, na maioria dos casos, por uma força excessiva no local o que, consequentemente, podem resultar em contusões mais sérias. “O uso de tênis impróprios pode provocar problemas como artrose de tornozelos, joelhos, quadril e lesões discais da coluna”, explica.

As marcas de tênis investem cada vez mais nos sistemas de amortecimento, em conjunto com a entressola dos calçados, visando minimizar o estresse do impacto dos pés com o solo. “O amortecimento jamais pode ser escasso, todavia, também não pode ser em grande quantidade, pois pode tornar a pisada instável nos movimentos repentinos”, ensina.

De acordo com o especialista, os tênis têm, em média, uma vida útil de aproximadamente 500 km e algumas características são capazes de evitar os vários tipos de danos ao corpo. “Aspectos como oconforto, a flexibilidade e boa qualidade de aderência do solado com o chão são ‘ferramentas’ parceiras na prevenção das lesões geradas pela pressão durante a pisada”, afirma.

Mesmo possuindo no armário dois tênis da mesma marca e modelo, mas com tecnologia de amortecimento diferente, há a necessidade de intercalá-los nos dias da semana, pois, segundo o fisioterapeuta, pode existir uma demora de até 24 horas na recuperação do calçado para o uso.

Conhecendo os calçados
Os tênis são subdivididos em várias partes. O cabeal, por exemplo, é o responsável por estabilizar o calcanhar e o tornozelo. Porém, o formato deve conter um recorte que não machuque o chamado tendão de Aquiles. O amortecedor é o responsável por diminuir o primeiro impacto da pessoa contra o chão, no momento da pisada. Já as palmilhas têm a finalidade de absorver a transpiração. O solado, por sua vez, oferece aderência adequada à superfície percorrida. A Entressola faz parte do sistema estrutural do tênis e tem o papel fundamental de distribuir o peso do corpo por toda a estrutura do calçado, trabalhando em conjunto com o sistema de absorção de impacto [amortecedores]. Em alguns tênis a entressola é considerada uma ferramenta importante na prevenção de lesões geradas pela pressão.

Cinco dicas para adquirir o tênis ideal
- Conforto
- Observar a tecnologia entre a entressola e o amortecimento
- Finalidade da prática esportiva
- Analisar se há um aspecto patológico
- Sempre que possível optar pelos tênis com pisadas neutras

agradecimentos: Lide Multimídia - Assessoria de Imprensa