segunda-feira, 18 de novembro de 2013

OS ULTRAS - Carla Goulart

Considerada a prova de corrida a pé mais difícil do mundo vai reunir competidores de diversos países entre eles a ultramaratonista mineira Carla Goulart que se prepara para o desafio extremo que  vai ser realizado  em International Falls , na divisa dos EUA com Canadá 
Os treinos começaram no cerrado mineiro e agora seguem para o hemisfério norte, para iniciar a etapa de adaptação as temperaturas baixíssimas que vão predominar na prova de corrida na neve considerada a mais difícil entre os desafios extremos. Uma prova que exige força, persistência  e muito preparo físico. 
Carla GoulartA bicampeã da Jungle Marathon  e campeã das 100 Milhas de Portugal a enfermeira de 37 anos Carla Goulart  se prepara para uma das provas mais difíceis da sua vida. Na prova os competidores precisam levar tudo o que  vão precisar  para a sobrevivência em temperaturas que podem chegar a -20˚( água, alimento, barraca e saco de dormir). 
A ultramaratonista Carla Goulart quer ser a primeira sul-americana  a completar o Arrowhead, prova de 217 km, considerado o circuito de provas a pé mais duro do mundo.  A prova de ultra-distância tem  135 milhas, ou 217 KM,  deverá ser  percorrida em  limites de tempo pré determinados em 60 horas contínuas. O período agora é de muito treino e preparação nutricional para a prova de resistência que será realizada primeira semana de janeiro na divisa dos EUA e Canadá, período de baixas temperaturas que exige muito do competidor.
Essa Copa do Mundo de corridas em ambientes  de máxima dificuldade já é considerada a série mais difícil do planeta é formada pelas provas BR 135 Ultramarathon (corrida nas montanhas), Badwater Ultramarathon (corrida no deserto) e Arrowhead Ultramarathon que é a corrida na neve.  

Leia mais: